sexta-feira, 17 de julho de 2009

Começa Hoje o ciclo de oficinas do Núcleo!



Ontem foi a abertura do Núcleo com a palestra da prof./dra. Maria Thereza Azevedo que pincelou a história do teatro, desde o teatro burguês da revolução industrial até o que é feito hoje. Tudo para elucidar os caminhos que o teatro contemporâneo tomou e de onde saiu certos parâmetros da linguagem contemporânea.
Enumerou, por exemplo, algumas características específicas do teatro contemporâneo, como a utilização de espaços inusitados, mistura de tendências e linguagens, derrubada da narrativa linear, afastamento do dramático entre outras tantas, que nos levou a discutir os trabalhos de Zé Celso Martinez, Antunes Filho e do grupo Vertigem. Maria Thereza citou vários colaboradores da cena teatral que elevaram o pensamento de seus tempos e fizeram coisas diferentes do que se esperava deles; Maeterlink, Brecht, Bob Wilson, Antoin Artaud, entre outros.
Conversar de teatro é muito bom!
Hoje e amanhã, sexta e sábado, teremos o início das oficinas do Núcleo, com a Rachel Galesso.
Na Rachel eu boto fé; eu a conheço desde faz tempo e acho muito bom a pesquisa dela com o refinamento das expressões do corpo. Vai ser um sucesso. Depois eu conto mais!
Grande abraço!!!

Juliana Capilé

Nenhum comentário: